Azul

Ontem
ela emanava uma felicidade discreta
azul
isso
nem amarelo nem carmim
na intensidade correta
Ela sorria e caminhava
solene
nem ombros nem cintura
apenas caminhava e sorria
de uma maneira precisa
isso
onte
m

Comentários

Taiyo Omura disse…
beleza de poesia!
quero ver mais!
fred disse…
o tempo esvaindo qualquer sorriso certo.

tem mais?

Postagens mais visitadas